13 de set de 2014

Corre.

 Cuidado! Uma placa de aviso pendurada em uma das paredes brancas que cercam a vida. Segue em frente mas com cuidado, olhar atento e batimentos controlados, por favor.
 A vida que surge diante do novo, o desabrochar de flores, o correr do mar. A brisa soprou forte, talvez há de chegar. Respire. Cuidado. Cautela. Vai! As paredes brancas insistem em prender, mas persista, o que for para acontecer... já sabe. Frases inacabadas, pensamentos longínquos, mas vai passar. Essas frases um dia irão se completar e esses pensamentos mais perto irão ficar. Mas tenha paciência, pois a vida é o senhor do tempo, e o cosmo apenas orienta no sentido dos ponteiros. Não, não queira ultrapassar essa linha continua de tempo e espaço. Não vale a pena, o que um dia vai ser...já sabe. Espera. Se o tempo demorar a passar, arranje algo. Vá correr, conversar, escrever, ler ou amar. Ame, demora pra descobrir e chegar à conclusão do que é. Mas permita-se amar, se joga sem medo de errar. Confia. Pode confiar firmemente isso nunca vai acabar, se for recíproco por que não ? A vida era tão cinza... e agora como está ? Percebe a diferença? Veja na inocência do olhar a mudança do fosco, a opacidade já não existe mais. Na inocência desse olhar um mundo cor-de-rosa está a se formar, então por que o medo de se entregar? Se no final algo que considere ruim acontecer, pense "vai passar", quando você ver passou, então por que não tentar ? Tente sim, com cuidado, já disse, mas tente, e corre, corre que a vida não espera. O medo, se estiver presente leve-o, ao invés de atrapalhar talvez ajude, mas lembre-se não deixe-o dominar. Então vai, vai que o tempo não espera, e o espaço é grande, longo e contínuo. Corre até o destino determinado. Sim determinado, agradeça aos átomos que compões tudo ao redor, e prepare-se para seguir. Ou esquece os átomos, apenas segue, e deixa a metafisica para trás. Corre, e reinventa todas as leis da relatividade geral e todas as leis da cosmologia experimental que são consideradas humanamente impossíveis de serem burladas; Acredite, você vai conseguir. Vai, e voa por espaço e tempo, reinventa novos termos e corre amar.